Lilypie First Birthday tickers

Lilypie First Birthday tickers

Vem comigo!

quarta-feira, 15 de junho de 2011

Bem material, como educar?

Tem gente que é apegada mesmo em seus bens materiais e sofre quando algo acontece a eles. Não estou dizendo que o que você compra com todo o seu suor do seu trabalho, não deva dar valor e ter cuidado, não é isso! Eu sou super zelosa com os meus e com os dos outros quando estão em minha posse, mas acidentes acontecem, principalmente se vc tem bebê em casa que está na fase do senta-levanta-engatinha. 
Hoje meu marido brigou comigo pq viu que uma das suas preciosas caixas de som (que eu não sei o nome, acho que é subwoofer) do seu home theater, estava estragada...De quem é a culpa? MINHA!
Foi o Gui que deve ter enfiado o dedinho lá num momento de distração meu e rasgou um buraco pequeno que faz uma diferença danada quando liga. Brigou, brigou e brigou...Ainda tá brigado, não quer nem falar...
Será que eu não tou sabendo educar meu filho a ter cuidado com as coisas das pessoas, com os bens materiais? Como educar um bebê de 9 meses que está descobrindo o mundo? 
Toda vez que ele quer mexer em algo que não pode eu digo: "Não pode! Ou: Não não!!" Vira e mexe ele vai e faz de novo e eu repito, mas oq ue mais posso fazer? Ele ainda é um bebezinho...
Por causa de uma droga de som ouvi até que eu não sei educar meu filho e que dar amor, ser boa mãe não é fazer tudo que ele quer. Eu não faço tudo que ele quer, mas tb não fico repreendendo ele o tempo todo, pq uma casa que tem criança tem que estar preparada para tal. Comprei uma mesa com cadeiras belíssimas, o que resolvi? Mandei fazer capas para as cadeiras que são de veludo, pq agora com o Gui engatinhando, mão no chão, suja, comida ai já viu né? Coloca na cadeira e já foi!
Agora o som...Tô arrasada...
Alguma mãe por aí nesse mundo de meu Deus, sabe como educar um bebê e fazê-lo não quebrar nada?
Confesso: Fui eu papai!


MUDANDO DE ASSUNTO:


Enquanto estive "fechada para balanço" por causa da mudança, ganhei selinhos lindos e super carinhosos de algumas mãezinhas lindas que não me esqueceram, além das mensagens lindas. Obrigada de novo meninas!!!
Segue selos, mas como sempre, SEM REGRAS! 


Ganhei da Laiz
http://diasdemamis.blogspot.com/
Ganhei da Angi:
http://maedeguri.blogspot.com/

9 comentários:

Ana disse...

Educar é desde sempre.
Mas cada idade tem suas fases.
Dizer o "não pode" ele já deve entender mas é muito novo para obedecer de primeira.
Ele está na fase de que tudo é novidade. Tudo tem que pegar, tem que colocar a boca, tem que sentir.
Nisso acidentes, coisas quebradas são absolutamente normais.
O que fiz nessa epoca foi deixar no baixo o que podia pegar a vontade como tampa de panelas, potes de plastico, colheres de pau. etc. Isso já ajuda a matar uma boa parte da curiosidade deles. Mas nem tudo pode se tirado do chão e colocar no alto né?
O jeito então é ir falando não 500, 1000 vezes até ele fazer 15 anos e entender. Brincadeira. Rs
Beijos!

Ananda Urias disse...

Sem querer gerar, mas talvez já gerando... o incompreensivel da história é o seu marido. Se ele ficasse o dia inteiro cuidando de um neném, com certeza, ele compreenderia esses pequenos descuidos que nós TODAS vez por outra damos. Relaxa, o Gui não sabe o que é subwofer ou qualquer outra coisa.. isso é materia, vai e volta! Diz pro seu marido parar de besteira e cuidar do Gui 1 dia direto, enqnt vc sai pra passear.. talvez ele entenda o "seu descuido".

Beijooos

Angi disse...

Amiga!
Imagino com tu está!
Óbvio que não é culpa tua, nem do Gui, nem do maridão! Homens gostam de sons, de tecnologia, deixa eles. Bebês estão descobrindo o mundo, conhecendo tudo ao seu redor. E mães fazem o melhor para cuidar do marido e do filho 24 hs por dia, e da casa, e de si mesma!
Então, marido da Jana, por favor, leia isso, peça desculpas a essa esposa-mãe maravilhosa já, e coloque essas caixas longe do alcance do Gui!rs Brincadeirinha, mas sério, não briguem por besteiras, não conheço essa caixa, alias nem tenho som, escuto cd no dvd, e acho que brigar por bens materiais não é um exemplo bom...
Boa noite,casal!
Boa noite Jana,minha flor!
E boa noite Gui, amado da tia!!
BEIJOSSS

Natália a mãe disse...

Jana, educar nessa fase com palavras é importante mas nao crucial, pois eles nao associam o que fez com algo errado. Estão descobrindo o mundo e impedi-los de tal curiosidade é impossível e nao saudável, pois eles necessitam dessas experiencias, experiencias estas diversificadas em cada fase de vida. Cada fase é uma nova descoberta, e se pular a fase com certeza alguma coisa vai faltar...
Faz parte...espero que tudo fique bem logo...
semana que vem vou postar algumas coisas que aprendi sobre as fases da criança na faculdade...beijos

vanice disse...

Calma amiga!! Já li em algum lugar que os homens (maridos) sentem ciumes dos filhos ,principalmente do primeiro...Seu marido ,como vc está ainda aprendendo as ser pai. E não é sua culpa,e nem questão de saber ou não educar...Até pq ,um bebezinho vai ser educado onde???rsrs.
Como vc faz, continue repreendendo o pequeno e dizendo NÃO,para as coisas onde ele não pode ir,mexer.
Pede pro marido também se adaptar e adaptar a casa onde mora também um bebê.
mil beijos e cheirinho no pequeno e não se aborreça.

Mariana disse...

Jana!!!
Impossível!!!
A minha casa já está totalmente adaptada ao trio, sem mesa de centro e otras cositas màs!!!!
O que podemos fazer é dizer não e sempre mudando o tom de voz, para que eles entendam que não estamos brincando ou falando como se fosse algo normal (dica do pediatra)!
Aqui obviamente eles fazem coisas que não devem, mas o Mathias, por exemplo, chega perto de uma tomada, e já pára e faz "não, não" com o dedinho!!!
Um fofo!!!
Não te estressa que quem tem bb pequeno tem que entender isso e se adaptar!
Bjs,
Mariana
www.mmmais3.blogspot.com

Beca Bricio - Mulher que pariu disse...

Ih Jana, o Gui já quebrou algumas coisas por aqui.

a minha casa não está adaptada para uma criança, confesso mas a culpa é nossa(minha e do rafa).

sabe, educar um bebê não é uma tarefa fácil não, mas saiba que no início, vc irá falar mil vezes e ele vai continuar a fazer o que está errado, é normal, mas com o tempo e com a nossa repetição ele vai começando a entender.

Tbm pensei no que estava fazendo de errado e fui perguntar as amigas como era com elas... todas disseram que é normal mas que educar não é fácil, e precisa ter muita paciência e repetição.

beijão

Mamãe pela 2ª vez disse...

Jana querida relaxa, diga pro maridão que isso acontece e que coisas piores virão.
Não tem nada haver com ele gostar de bem materiais e sim que ele sempre foi cuidadoso com as coisas dele, mas agora com um fofinho dentro de casa ou ele relaxa ou endoida.
Aqui Ubiratan quando tinha dois anos derramou um litro de óleo no meu sofá de um Mẽs de uso e no dia no aniversário dele jogou 250 reais na privada e deu descarga o pai só salvou 50 conto, quase chorei, fazer o que, colocar o óleo num lugar que não pudesse alcançar e o pai não deixar a carteira dando sopa por ai, e esses duas coisas tiverem que acontecer mais uma vez para os pais aprenderem.
bjus

Dayane Cavalcante disse...

Jana isso porque o Gui ainda nem começou a andar!!Depois que o Levi começou andar eu desitir de manter tudo em ordem o tempo todo!!NÃO TEM JEITO, É IMPOSSÍVEL!!É uma fase de descobertas deles e temos que respeitar isso, claro que colocando limites e tambem tirando da alcançe deles algumas coisas!Mas tente conforma seu marido que esse é apenas o primeiro estrago que o Gui faz!!
Paciência, essa é a palavra!!
como diz meu marido:Temos que ficar felizes com tanta bagunça, é sinal de saúde!!!
Bjos!